Vale do Ave e Terras de Basto
Abertura
Mapa do Concelho
Mapa da Cidade
Património
Museus
Contatos
Abação (São Tomé)
Airão São João
Airão Santa Maria
Aldão
Arosa
Atães
Azurém
Balazar
Barco
Briteiros Salvador
Briteiros Santa Leocádia
Briteiros Santo Estêvão
Brito
Caldelas (Caldas das Taipas)
Calvos
Candoso São Martinho
Candoso Santiago
Castelões
Conde
Corvite
Costa
Creixomil
Donim
Fermentões
Figueiredo
Gandarela
Gémeos
Gominhães
Gonça
Gondar
Gondomar
Guardizela
Infantas
Leitões
Longos
Lordelo
Mascotelos
Mesão Frio
Moreira de Cónegos
Nespereira
Oleiros
Oliveira do Castelo
Pencelo
Pinheiro
Polvoreira
Ponte
Prazins Santa Eufémia
Prazins Santo Tirso
Rendufe
Ronfe
Sande São Clemente
Sande São Lourenço
Sande São Martinho
Sande Vila Nova
São Faustino
São Paio
São Sebastião
Selho São Cristóvão
Selho São Jorge (Pevidém)
Selho S. Lourenço
Serzedelo
Serzedo
Silvares
Souto São Salvador
Souto Santa Maria
Tabuadelo
Urgezes
Vermil
Início Região Concelhos Património Lazer Tradição Onde Comer Onde Dormir
 
SÃO TORCATO
 
Memória Descritiva dos Símbolos Heráldicos
Mitra, cruz e báculo - Simbolizam o padroeiro da freguesia – São Torcato.
Roca - Representa a importância histórica da cultura do linho, ainda hoje preservada, e produção de tecidos. 
Roda dentada - A roda dentada simboliza a indústria local. 
Burelas ondadas - Simbolizam o rio Selho.
 
Caracterização
São Torcato é uma freguesia do concelho vimaranense, situada na margem esquerda do rio Selho, afluente do rio Ave, estando a cerca de 5 quilómetros da sua sede do concelho, para o lado nordeste. Esta localidade, elevada a vila em 21 de Junho de 1995, tem mais de 3000 habitantes e um território proporcionalmente vasto, constituindo-se como o mais extenso do concelho. Tem como principal actividade económica a agricultura, havendo ainda espaço para as indústrias têxtil e de calçado.
 
Síntese Histórica
A extensa área central que São Torcato possui, revela indícios de um povoado fortificado castrejo, apontando a origem da freguesia para a remota Idade do Ferro. Estes vestígios localizam-se no denominado ‘Penedo da Cabeça’. O Mosteiro de São Torcato aparece no testamento de Mumadona Dias. A 20 de Junho de 1049, o couto de toda a terra de São Torcato foi dado ao Mosteiro de Mumadona, então conhecido por Mosteiro de Guimarães, pelo rei D. Fernando e sua mulher, a rainha D. Sancha. Em 1173, o Mosteiro de São Torcato foi desanexado da Colegiada e, em Abril desse mesmo ano, o rei D. Afonso Henriques doou carta de couto ao prior de São Torcato, D. Paio e seus frades. A 15 de Maio de 1276, o Papa Inocêncio V confirmou o Mosteiro de São Torcato sob a regra de Santo Agostinho, por Bula dirigida ao prior e aos frades que dirigiam o instituto. Através desta Bula, sabe-se que o mosteiro possuía a Igreja de Santo Emilão de Riba D`Ave e terras nos bispados de Braga, Porto, Lamego e Viseu.
Em relação à jurisdição do Couto de S. Torcato, existe uma carta de sentença passada pelo rei D. Afonso IV, em 1336, que confirma a jurisdição civil ao Mosteiro de São Torcato. O Couto de São Torcato foi extinto a 7 de Janeiro de 1835, por sentença do Corregedor em execução dos decretos de 29 de Novembro de 1830 e 28 de Junho de 1833. São Torcato conheceu outro topónimo, seu derivante, “São Torquato”. Nesta freguesia destaca-se o culto a São Torcato.
 
Património Cultural Imóvel
Santuário de São Torcato, Igreja Matriz (estilo românico), Campo da Ataca, Capela Fonte do Santo, Casa da Agra, Cruzeiro e Alminhas.
 
Locais de Interesse Turístico
Santuário de São Torcato, Igreja Matriz, Campo da Ataca, Zona de Lazer e Capela Fonte do Santo.
 
Padroeiro
S. Torcato
 
Festividades
S. Torcato (27 de Fevereiro), Festa da Senhora (Maio) Festa do Senhor (Junho) e Romaria Grande de São Torcato (1º fim de semana de Julho).
 
Eventos
Festa dos 27 (Fevereiro), Feira da Fonte do Santo (Maio), Feira da Terra (Julho)
Festa do Linho “Linhal” (Julho), Festival Folclórico de S. Torcato – Julho, Festival Folclórico da Corredoura (Agosto), Festival da Juventude (Setembro) e Festa das Colheitas (Outubro).
 
Artesanato
Latoaria (José Alberto Vieira - 962 707 127)
Rendas e Bordados (Augusta e Cidália Vieira - 964 235 266)
Bordados (Josefa Silva Matos - 253 551 632)                                
Trabalhos em papel (Cecília e Cristina Braga - 936 661 527)        
Doçaria (Maria Fernanda Gomes - 916 863 386)     
Escultura (Felisberto Vaz Relvas - 919 026 593)
Ferro forjado (Armando Matos - 962 747 431)
 
Filhos Ilustres da Terra
Alberto Pimenta Machado - Comendador, comercial e benemérito (1896-1984)
Armando Gabriel - Historiador Local (1930-1996)
António Pimenta Machado - Empresário e dirigente desportivo (1950)
 
Freguesia em Números                                      
Área (i): 1038,53ha
Abastecimento de Água - Rede Pública (ii): 90%
Saneamento Básico (ii): 50%
Iluminação Pública (ii): 100%
Transportes (ii): Arriva
Habitantes (iii): 3373 (H-1643 M-1730) 
Eleitores (iv): 3249 (H-1613 M-1636)
Alojamento (iii): 1443                           
Famílias (iii): 1147
Faixas Etárias (iii): 0/14-473 15/24-446 25/64-1944 65 ou mais-510
Habilitações (iii): Nenhuma-620 Básico-2252 Secundário-357 Superior-144
[Fontes: i. Câmara Municipal Guimarães; ii. Junta Freguesia; iii. INE Censos 2011; iv. DGAI]
 
Equipamento e Serviço Social
Sede da Junta, Jardim de Infância, Polidesportivos (2), Campo de Futebol, EB 1 (com Cantina Escolar), EB 2/3 (com Cantina Escolar e Gimnodesportivo), Unidade de Saúde Familiar, Centro Social (com Lar, Centro de Dia, Cantina Social e Apoio Domiciliário), Salão Paroquial, GNR, Casas Mortuárias (2) e Viaturas (9 lugares).
 
Serviços
Turismo de Habitação, Posto de Abastecimento de Combustíveis, Posto CTT e Multibanco.
Farmácia, Clínica, Consultório Médico e Laboratório de Análises Clínicas.
 
Movimento Associativo
ADCL - Associação para o Desenvolvimento das Comunidades Locais
Telefone: 253 551 071    
Fundação: 1994
Actividades: Sociais, culturais e recreativas
Corpo Nacional de Escutas – Agrupamento Nº 028
Telefone: 253 551 669    
Fundação: 1947
Actividades: Escutismo
Fraternidade Nuno Álvares - Núcleo Nº 5
Telefone: 253 551 669    
Fundação: 1982
Actividades: Escutismo adulto
Grupo Coral de S. Torcato
Telefone: 918 419 925    
Fundação: 1967
Actividades: Cântico litúrgico
Grupo Coral Juvenil
Telefone: 914 454 642    
Fundação: 2002
Actividades: Cântico litúrgico
Grupo Desportivo União Torcatense
Telefone: 253 555 205    
Fundação: 1928
Actividades: Futebol, BTT e bilhar.
Grupo Folclórico da Corredoura
Telefone: 914 535 867    
Fundação: 1956
Actividades: Folclore
Grupo Folclórico de São Torcato
Telefone: 969 024 221    
Fundação: 1957
Actividades: Folclore, organização do Festival Internacional de Folclore e festa das colheitas.
C.R.C.A. - Centro Recreativo Cultural e Artístico de S. Torcato
Telefone: 253 552 342    
Fundação: 1975
Actividades: Recreativas, culturais e artísticas.
Irmandade de São Torcato
Telefone: 253 551 150    
Fundação: 1693
Actividades: Lar, centro de dia e apoio domiciliário
 
Pároco
José Luís de Sousa Pimenta    
Telefone: 919 302 223
                                                          
Junta de Freguesia
Morada: Largo Conde de São Bento, nº 80   4800-854 São Torcato
Coordenadas GPS: N 41º 28’57.88” / W 8º 15’29.06’’
Telefone/Fax: 253 551 857
E-mail: geral@jf-storcato.com
Site: www.jf-storcato.com
Horário de Funcionamento: 2ª a 6ª feira 09h00-12h30/14h00-17h00
Presidente: Bruno Alberto Vieira Fernandes (2º mandato)
Secretário: Armando José Oliveira Fernandes
Tesoureiro: António Alberto da Costa Martins
 
Destaque
Santuário de São Torcato
O Santuário de São Torcato, iniciou a sua construção em finais do século XIX, estendendo-se esta até aos dias de hoje. É um monumento de grande atracção turística devido à sua beleza, conjugando elementos arquitectónicos neogóticos, renascentistas e românticos inseridos na construção granítica. A fachada é constituída por duas torres e um corpo central. Em planta, o templo tem a forma típica da cruz latina. No interior deste santuário encontra-se o corpo de São Torcato, um dos primeiros evangelizadores da Península Ibérica, que foi martirizado, “quando tentava impedir o avanço do exército árabe”. São Torcato seria natural de Toledo e descendente da nobre família Torcatus Romanus. Durante a sua juventude destacou-se pelas suas inúmeras virtudes. Exerceu as funções de Arcipreste, na Sé de Toledo, sendo mais tarde nomeado Arcebispo de Braga e de Dume. Corria o ano de 711 quando os muçulmanos entraram na Península pelo sul hispânico. O encontro das Religiões (Islamismo e Cristianismo) ter-se-ia dado, segundo a lenda, junto a Guimarães, mais precisamente naquelas terras que hoje pertencem à vila, tendo resultado no martírio do Arcebispo Torcato. Isto tudo terá acontecido a 26 de Fevereiro de 719 (outra data se aponta no mesmo dia e mês do ano de 715). Diz-se que o corpo do Arcebispo foi mais tarde, encontrado num bosque junto a um regato. Ao retirarem o corpo de entre as pedras e as silvas, brotou daquele local, uma fonte caudalosa, que ainda hoje se conserva, tendo as suas águas poderes medicinais. A população tratou de construir um templo para a colocação do corpo, pois à luz da fé acreditava-se que se tratava do corpo de um santo. No exterior do santuário, encontra-se um adro o qual possui ao fundo, de frente para o santuário, um parque com frondosas tileiras e plátanos. No parque podemos também encontrar dois coretos, bem como duas grandes fontes de água. A beleza deste espaço e a fé de muitos devotos, trazem todos os anos a este santuário milhares de pessoas de diferentes regiões do país.
Receba
as novidades
no seu e-mail
nome:
e-mail:
Vale do Minho Vale do Lima Vale do Cávado Vale do Ave e Terras de Basto
Contactos | Mapa do site
Copyright © 2008 A Nossa Terra. Todos os Direitos Reservados Desenvolvido por: Direnor